Secretário municipal é morto a tiros em sua residência na noite de domingo

Secretário José Mauro foi morto a
tiros em sua residência
José Mauro Sales, secretário de Gerência Geral de Itapemirim, foi morto a tiros dentro de sua residência na noite de domingo, 03. Ele morreu na hora e a polícia ainda não sabe a motivação do crime. O acontecimento surpreendeu os moradores de Itapemirim, pois José Mauro não tinha inimigos aparentes.

Ele, que residia no Balneário de Itaoca, levou cerca de cinco tiros e morreu no local. A polícia realizou buscas intensas na região, mas ninguém chegou a ser preso até o momento, Não houve expediente na prefeitura hoje e as aulas da Rede Municipal de Ensino foram suspensas.

O secretário, filiado ao PSDB, era o braço direito do prefeito em exercício Thiago Peçanha, do mesmo partido. Na manhã de domingo ele compartilhou uma publicação no seguinte teor: “Não vás ao meu funeral mostrar o quanto gostavas de mim. Mostra-me o quanto gostas de agora, enquanto estou vivo”.

Para acompanhar de perto as investigações do homicídio, o secretário de Segurança Pública se dirigiu a Itaoca na manhã desta segunda-feira. Os policiais não param de fazer buscas e as investigações intensas vão continuar até que o assassino seja identificado e preso.

Foi decretado luto oficial de três dias e ponto facultativo no Município pela prefeitura municipal para todos os funcionários. Pelas redes sociais o prefeito lamentou a morte do secretário José Mauro. A morte do secretário causou espanto no meio político da região.



Chuvas provocam enchentes no interior e na sede a situação é de alerta geral

Situação do Rio Itaúnas próximo à ponte, no centro da cidade O Córrego Tatu, no Distrito de Santo Antônio, em Barra de São Francisco...

Postagens mais visitadas