Muita Ousadia. Bandidos tentam roubar as pernas de triatleta com uso de serra

Por pouco o atleta Mhlengi não ficou sem as penras

O triatleta sul-africano Mhlengi Gwala, 27 anos, teve as duas pernas quase arrancadas com serrote por bandidos ainda não identificados, que depois do crime ainda roubaram seus pertences. O fato aconteceu na cidade de Durban, na África do Sul, quando a vítima treinava.

Segundo a polícia, Mhlengi foi surpreendido por três indivíduos quando subia uma ladeira. Os bandidos pegaram o atleta e serraram suas duas pernas. Ele foi socorrido ao hospital local e, segundo os médicos, corre o risco de ter uma das pernas amputadas por causa da gravidade do ferimento.

Ao ser abordado, a vítima parou e entregou o celular, o relógio e a bicicleta, mas os criminosos queriam mesmo eram as pernas do atleta, que foi arrastado para os arbustos à beira da estrada. Os bandidos pegaram a serra e começaram a cortar a perna de Mhlengi.

“Quando chegou ao osso a serra ficou presa, porque não era muito afiada. Aí eles começaram a serrar a outra perna sem ligar para a vítima que berrava de dor”, disse Nqobile Gwala, porta-voz da polícia. O caso está sendo investigado como tentativa de homicídio e não há previsão para alta da vítima.



Chuvas provocam enchentes no interior e na sede a situação é de alerta geral

Situação do Rio Itaúnas próximo à ponte, no centro da cidade O Córrego Tatu, no Distrito de Santo Antônio, em Barra de São Francisco...

Postagens mais visitadas