As comunidades continuam realizando os trabalhos que o Município não faz

Buracos tornam as estradas do interior intransitáveis

Mais uma reclamação chega ao Notícias Populares Online sobre a situação caótica em que se encontram as estradas no interior do Município de Barra de São Francisco/ES. Totalmente intransitáveis e abandonadas, os próprios moradores estão tendo que tomar providências.

Desta vez, foram moradores do Distrito de Denzol que se uniram e colocaram a mão na massa. Os trechos das estradas em piores estados foram tapados com pedras pelos moradores para facilitar o tráfego de transporte escolar e de outros veículos que circulam naquela região.

As pedras foram levadas pelos moradores da comunidade
A falta de manutenção das estradas por parte do Município tem prejudicado sensivelmente o produtor rural, que está computando prejuízos por não encontrar facilidade para o escoamento de suas produções, que acabam estragando ou se perdendo pela ação do tempo.

A reclamação dos produtores rurais e dos demais moradores não só do Distrito do Denzol, como de todo Município é de que procuram apoio na secretaria responsável, mas a resposta é sempre a mesma: “Não temos maquinário e nem dinheiro para a realização dos serviços”.

Cansativo, mas necessário o trabalho para facilitar o tráfego de veículos na região

Um morador afirmou que durante o tempo em que o vice-prefeito Denílson esteve à frente da Secretaria Municipal de Interior e Transporte as coisas funcionavam. “Não era uma coisa perfeita, mas também não nos deixava ao léu como estamos agora”, disse o morador revoltado.

Recentemente, moradores do Córrego do Ouro, no Distrito de Santo Antônio, desistiram de esperar a atuação da prefeitura municipal e contrataram do próprio bolso uma retroescavadeira para tornar transitável a única estrada que proporciona acesso do referido córrego com a sede do Município.

Ao final o problema foi amenizado até o órgão público decidir cumprir sua obrigação
A estrada usada para escoamento de produção e trânsito de veículos, inclusive transporte escolar, estava numa situação tão crítica, que nem moto transitava com facilidade. Como os pedidos não foram atendidos, a comunidade se reuniu e fez o trabalho que seria do Município.

Os moradores questionam o paradeiro das máquinas do Município, muitas delas foram exibidas no centro da cidade, mas nunca foram vistas trabalhando nas comunidades. Na prefeitura disseram que as máquinas estão com problemas e não há previsão para início da manutenção das estradas do interior.


O Assessor de Imprensa do Município, Tiago Quirino, disse que foi realizada a licitação para aquisição dos pneus. Quanto às peças para as máquinas, ele afirmou que ao ser marcada a licitação, será emitido um comunicado oficial. O agendamento e resultado de licitações podem ser acompanhados pelo site da prefeitura.

Na oportunidade, ele falou a respeito de uma entrevista do prefeito sobre o maquinário, que pode ser conferido clicando no link que se segue:


Veja o vídeo enviado ao Notícias Populares Online:




Chuvas provocam enchentes no interior e na sede a situação é de alerta geral

Situação do Rio Itaúnas próximo à ponte, no centro da cidade O Córrego Tatu, no Distrito de Santo Antônio, em Barra de São Francisco...

Postagens mais visitadas