Policial federal é acusado de premeditar a morte da própria filha de apenas dois anos


Dheymerson é acusado de matar a própria filha

O policial federal Dheymerson Cavalcante está sendo acusado de ter premeditado a morte de sua de dois anos na última sexta-feira, 08, em Rio Branco, capital do Acre. A criança morreu por insuficiência respiratória e obstrução das vias aéreas depois de ingerir duas mamadeiras de lei artificial, proibido para recém-nascidos.

A denúncia foi feita pela mãe da criança, a enfermeira Micilene Souza. Segundo ela, o policial e a mãe dele, Maria Gorete Cavalcante, deram as duas mamadeiras à criança, que acabou passando mal e morreu. Os pais da vítima e a avó paterna já foram ouvidos pelo delegado Martin Hessel, que está presidindo o inquérito.

Segundo o delegado, foi feita perícia nos celulares de Dheymerson, Micilene e Maria Gorete e aguarda a conclusão. Disse, ainda, que está investigando para apurar se o caso foi de homicídio ou se foi uma situação que não houve crime. “Até o momento não posso afirmar nada, apesar de as investigações estarem avançadas”, disse ele.

Apesar de não comentar o teor dos depoimentos, Martin salientou que a relação do casal era conturbada. “Não foi um relacionamento estável ou duradouro. Durante o processo da descoberta da gravidez até o nascimento eles tiveram uma relação conturbada”, comentou ele, revelando que o policial acusado é casado.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil e, segundo o delegado, o fato de o acusado ser policial federal não interferirá na investigação, que seguirá com isenção. “A Polícia Civil vai apurar de maneira mais isenta possível, sem interferências, para elucidar o caso”, garantiu o delegado Martin Hessel à imprensa.

A mãe da criança disse que conheceu o policial quando ele estava em missão na cidade de Marechal Thaumaturgo e tiveram um relacionamento de um mês. Segundo Micilene, quando descobriu que estava grávida. Dheymerson se negou a registrar ou dar qualquer assistência à criança. O policial nega qualquer participação no caso.







Tragédia. Cantor morre com tiro acidental no olho no momento que gravava videoclipe

Justin Carter, cantor country Ainda repercute a morte do cantor country Justin Carter ocorrida no sábado, 16, em virtude de um ac...

Postagens mais visitadas